sorrisos antigos

Maio 2015

Abril 2015

Fevereiro 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

porque o meu sorriso tem um nome .... Laura Daisypath Happy Birthday tickers online
Quarta-feira, 13 de Abril de 2011

Alma sensível (ou como podemos vir a ter um problema...)

Desde cedo que a Laura já dá mostras de ser muito sensível e atenta a situações mais dramáticas. Lembram-se da canção do Marco? Depois, há cenas mais tristes em filmes que a levam às lágrimas, mas o que aconteceu ontem...

 

Pediu-me para visonar um filme de desenhos animados inspirado no clássico "A Vendedora de fósforos" - trata-se de um conjunto de clássicos, ainda em cassetes VHS, que a tia Paula emprestou. É um enredo triste que eu conhecia mais ou menos, mas que não considerei nocivo para a Laura, pelo contrário, pensei que poderia alertá-la para o facto de existirem crianças com muitas dificuldades na luta do dia-a-dia. Deixei-a a ver o filme e fui preparar o jantar. A história não demorou mais de 15 minutos. De vez em quando ia espreitá-la, mas nunca lhe disse nada por senti-la tão entretida e atenta. No final, quando calculei que o filme estivesse a acabar, dirigi-me a ela e deparei-me com uma Laura enroscadinha sobre si mesma, no sofá, a chorar silenciosamente. As lágrimas escorriam-lhe e soluçava compulsivamente, mas quase sem fazer barulho, como se estivesse e reter aquilo nela. Quando me viu, agarrou-se a mim com todas as forças e deixou de pôr travou nas emoções - que a menina era pobrezinha e não tinha nada para comer, que não tinha pais, que ninguém lhe ligava quando andava a vender fósforos, que tinha muito frio, que tinha ido viver com os anjinhos... Raistapartisse, - pensei para mim -, mas esta história não tinha um final feliz?! Aparentemente não... Estivemos assim algum tempo, ela a chorar de forma violenta e quase descontrolada enquanto contava a história, eu a abraçá-la, já de lágrimas nos olhos, tentando acalmar aquele coração que senti muito magoado. Foi aflitivo ver a desolação dela e sentir aquela tristeza. Foi difícil explicar-lhe que era apenas uma história e que a menina, no céu, reencontrou o pai e a mãe e lá todos os anjinhos lhe compravam os fósforos - como anular aquele final trágico?! Enfim... Acalmou, mas assim que viu o pai voltou a chorar e a relatar tudo... E passámos assim a noite, entre a calmaria da reflexão e a súbita lembrança da menina a vender fósforos, o que levava a novo momento de choro. Senti-a tão perturbada que pensei que fosse assolada por pesadelos, mas passou bem a noite. Hoje de manhã estava bem disposta e não mencionou nada...

 

Não sei que pensar... Não sei que sentir... Será mais sensato evitar que ela se confronte com estas situações ou ajudá-la a compreender que existem muitas coisas más no mundo, mas que temos de as enfrentar de outra forma, por exemplo, agradecendo e valorizando aquilo que temos? Opiniões, precisam-se!

 

:o(

 

 

publicado por mil sorrisos às 10:23
link do post | sorri-me | favorito
6 comentários:
De Vânia Pereira a 13 de Abril de 2011 às 18:20
Que princesa tens aí...já viste que ela é sensível a estas coisas, muito aliás e parece já ser mais crescida. tempo não lhe faltará para entender estas coisas. Um beijinho grande para essa grande menina.
De mil sorrisos a 14 de Abril de 2011 às 12:10
Pois, tem tempo de começar a olhar à sua volta a aperceber-se de todos os males - cada vez são mais, infelizmente...
beijos e mil sorrisos
:o)))
De Nadia a 13 de Abril de 2011 às 22:55
Até fiquei com o coração apertado! Minha querida Laura...
Talvez este tipo de filmes sejam para maiores de 6. A doce Laura ainda não precisa de conhecer estes "detalhes" do nosso Mundo. Tem tempo!
De mil sorrisos a 14 de Abril de 2011 às 12:09
É uma visão da "coisa", mas a verdade é que não vivemos num mundo perfeito, longe disso...
beijos e mil sorrisos
:o)))
De Os papás a 20 de Abril de 2011 às 11:53
já eu tenho uma opiniao diferente... sinceramente a verdade é que o mundo é assim... claro que não precisamos de massacrar as crianças com estas coisas mas tambem nao acho correcto esconde las. Conheço uma pessoa que altera todas as historias infantis ou porque tem uma bruxa ou porque tem a maça envenenada, a verdade é que existem bruxas no mundo e maças envenenadas. E sendo a Laura assim sensivel ela ver este filme agora ou quando tiver 30 anos é igual. Digo isto porque eu sempre fui assim. A minha mae conta historias de me encontrar como tu encontraste a Laura a chorar, muito aflita... uma das que conta mais foi quando vi o filme Babar aquele do elefante sabes? Diz que eu chorava compulsivamente! E a verdade é que se o vir hoje vou chorar igual! Alias eu choro com uma facilidade tremenda! Por isso percebo o que a Laura sente. Acho que o que é importante sim é transmitir lhe de forma segura que são historias e reconforta la. Infelizmente para ti enquanto mãe e pela experiencia da minha é dificil quando um filho é assim sensivel porque realmente sofremos por ve los assim, mas faz parte da personalidade dela.

Beijinhos
De mil sorrisos a 20 de Abril de 2011 às 14:21
Obrigada pelo comentário, foi bastante esclarecedor. Efectivamente a Laura é uma menina sensível e, tal como dizes, isso já faz parte da sua personalidade, há é que estar atento a quaisquer situações que necessitem de ser bem dissecadas/explicadas para serem correctamente interpretadas... e sentidas.
beijos e mil sorrisos
:o)))

sorri-me

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquise sorrisos antigos

 

últ. sorrisos

Momentos mesmo giros!!!
Olá. O meu sobrinho tem, neste momento, seis anos....
Olá.. Achei interessante a publicação.. Tenho minh...
Verdade. Ela gosta e sente-se bem na companhia dos...
Parece que a casa fica vazia... mas é tão bom ver ...
Estão como têm de estar... quer dizer que são cria...
... e que vaidade! Tira-me do sério!beijos e mil s...
Welcome back Estão reguilas e desafiadores, não é?...
ahah as crianças são uns amores.Está na idade da v...
Back!?!!! Ainda bem. Estava a ficar preocupada.. :...

Posts mais comentados

27 comentários
26 comentários
24 comentários
23 comentários
21 comentários
20 comentários
20 comentários
20 comentários
RSS