sorrisos antigos

Maio 2015

Abril 2015

Fevereiro 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Sexta-feira, 14 de Março de 2008

Notícias fresquinhas!

Ora bem... o que posso dizer relativamente à mudança recente da Laura para o seu quartinho? Tem corrido muito bem!!!! Não estranhou nada e tem, inclusive, acordado menos vezes. O ritual não sofreu grandes alterações. A saber:

. entre as 21 e as 21.30, banhinho. O banho sempre lhe foi dado no quarto, pelo que o espaço já lhe era bastante familiar;

. entre as 21.30 e as 22 horas, biberon, 200 ml de leitinho que ela adora. Costumo dar-lho na sala, com luz ambiente e televisão ligada, mas com som baixinho. É aí, na sala, que acaba por adormecer, ao meu colo;

. levo-a para o quarto onde a deito sem acender a luz;

. o intercomunicador é ligado;

. o quarto fica completamente às escuras. A escuridão total nunca fez confusão à Laura, foi habituada a ela desde sempre;

. de vez em quando acorda, mas basta ir até ela, tocar-lhe no rosto ou ajeitar-lhe a chucha para sossegar;

. acorda para beber leitinho uma vez, durante a noite. Acontece entre as 5 e as 6 da manhã. Antes de me deitar faço um biberon de leite que meto num termo. Levo o termo e o biberon para o meu quarto. Quando chega a hora, está tudo preparado e torna-se rápido e cómodo para mim;

. ela bebe o leite e adormece rapidamente;

. por volta das 7.30 (religiosamente!) acorda e levo-a para a minha cama. Já quando dormia no nosso quarto acontecia isso. A recta final da noite é ao pé da mãe, quentinha e aninhada. A essa hora o pai já se levantou;

. acorda por volta das 9.30, super bem disposta. Fico com ela, às escuras, durante um bocadinho. Depois acendo a luz e ficamos outro bocadinho. Só depois me levanto e abro a janela.

 

Mais uma etapa, mais uma adaptação. O quarto ficou enorme e vazio. De noite, às escuras, ainda parece que circulo em volta do local onde estava a caminha dela. Enfim... Nas duas primeiras noites dormi mal, sempre alerta, sempre à espera de a ouvir, habituada a todos os pequenos barulhos, desde o respirar ao agitar dos lençóis. Resisti à tentação de a ir espreitar; pensei que isso poderia acordá-la e estaria a abrir um precedente. Agora já não me custa tanto.  Felizmente correu tudo pelo melhor. A Laura, aos oito meses e qualquer coisa, começou a conquista do seu próprio espaço. Muito cedo? Demasiado tarde? Cada cabeça sua sentença, é mais que sabido, mas parece-me que apostei na altura certa. Vamos ver...

 

:o)))))))))))))))

 

 

publicado por mil sorrisos às 00:02
link do post | sorri-me | favorito
6 comentários:
De me a 14 de Março de 2008 às 09:32
É sempre assim, custa-nos mais a nós que a eles!!!! somos umas mamãs galinhas - queremos tê-los sempre debaixo da nossa asa!
Beijokas
De toda a 14 de Março de 2008 às 12:56
E lá foi superada com enorme sucesso mais uma etapa!!!!!
A Laura conquistou e com distinção o espaço do quarto dela. E a mãe e o pai recuperaram a privacidade, que também precisam.
Um beijão nas duas, que são umas vencedoras.
:))
De Mamã Peixinha a 14 de Março de 2008 às 17:04
OLA, OLA!
Para compensar a minha falta no teu blog deixei-te um miminho no meu.
Espero que gostes!
*Beijinhos GRANDES*
De clube_mammy a 15 de Março de 2008 às 01:07
A minha sobrinha é um espectaculo!
Ela é muito segura de si.
Custa mais á mãe do que a ela.(acho que os miudos são todos assim)

Beijinhos meus e das gatinhas.
De Pegadas a 19 de Março de 2008 às 14:41
Se por um lado nos custa vê-los sair um bocadinho que seja da nossa asa e conquistar o seu espaço, por outro é um orgulho enorme vê-los "crescer" de forma tão natural e pacífica!
O meu Pitoqinhas também passou para o quarto dele aos 10 meses e também acaba sempre as "noites" no meio do pai e da mãe!
bjts
De ladybug a 6 de Maio de 2008 às 02:32
Custou mais à mamã do que à Laurinha :)

sorri-me

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquise sorrisos antigos

 

últ. sorrisos

Momentos mesmo giros!!!
Olá. O meu sobrinho tem, neste momento, seis anos....
Olá.. Achei interessante a publicação.. Tenho minh...
Verdade. Ela gosta e sente-se bem na companhia dos...
Parece que a casa fica vazia... mas é tão bom ver ...
Estão como têm de estar... quer dizer que são cria...
... e que vaidade! Tira-me do sério!beijos e mil s...
Welcome back Estão reguilas e desafiadores, não é?...
ahah as crianças são uns amores.Está na idade da v...
Back!?!!! Ainda bem. Estava a ficar preocupada.. :...

Posts mais comentados

27 comentários
26 comentários
24 comentários
23 comentários
21 comentários
20 comentários
20 comentários
20 comentários
RSS